Daruma | 達磨

Daruma | 達磨

150 150 Paula Hidemi Kaneoya

Daruma (達磨), também conhecido como daruma-san,é um tradicional boneco japonês que representa o Bodhidharma – monge indiano que levou o zen-budismo para a China – meditando na posição de zazen – sentado em cima das pernas.







Lenda

A lenda conta que Bodhidharma atingiu a “iluminação” após meditar profundamente por nove anos. Durante este período, diz-se que o monge arrancou suas pálpebras para que não adormecesse durante a meditação, e teve também seus membros superiores e inferiores atrofiados pelo desuso, o que justifica a ausência de olhos, braços e pernas no boneco.

No Japão, os pedidos ao Daruma-san são feitos no primeiro dia do ano e ele fica à mostra na casa, mesmo que o objetivo já tenha sido alcançado. No final do ano, leva-se o amuleto ao templo em que foi comprado para uma cerimônia em que o boneco é queimado e onde se compram mais bonecos para o próximo ano. A cerimônia, nomeada de Daruma kuyo (だるま供養), acontece logo depois do Ano Novo e consiste em uma sessão solene com a entrada dos monges, leitura de sutras e a queima dos Darumas.

Significado

“Caia sete vezes, levante oito vezes” (nana korobi yaoki). Trata-se de um provérbio japonês relacionado ao Daruma-san, que representa a perseverança, o ‘nunca desistir’, pois o amuleto, devido a sua forma arredondada, sempre cai na mesma posição.

O Daruma-san simboliza perseverança e boa-sorte. É um presente popular para encorajamento, que ajuda a alcançar sonhos ao auxiliar a manter o foco no objetivo estabelecido. Diz a lenda que, ao se ganhar um Daruma-san, deve-se:

– Pensar em um objetivo a ser alcançado;

– Pintar um olho do Daruma-san, representando o seu comprometimento com o objetivo;

– Quando o objetivo for traçado, pintar o outro olho.

Curiosidades

O Daruma-san tem um templo próprio, Daruma-dera, localizado em Takasaki, na província de Gunma, no Japão. Nesta mesma cidade acontece o Festival dos Bonecos Daruma (6 e 7 de janeiro), frequentado por cerca de 400.000 pessoas que vão rezar por um bom ano.

Os pêlos no rosto do Daruma simbolizam animais da cultura japonesa representativos da longevidade: o tsuru (grou) e a tartaruga. As sobrancelhas remetem ao tsuru, enquanto que os pêlos nas bochechas lembram os cascos da tartaruga. Diz-se que o Daruma-san foi feito para lembrar o seguinte provérbio: “Tsuru wa sen nen, kame wa man nen” (鶴は千年亀は万年), ou seja, o tsuru vive 1.000 anos, e a tartaruga 10.000 anos, reforçando a ideia de longevidade.

Referências

Club K

Nikkeypedia

Takasaki Prefecture

We love daruma

Wikipedia

Paula Hidemi Kaneoya

Bibliotecária formada pela Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC. Ministra oficinas de origami.

All stories by : Paula Hidemi Kaneoya
5 Comentários
  • Acho que eu nunca pintei o segundo olho de nenhum daruma. Será por isso minha vida de azar? 😛

  • Olá!
    Onde encontro no Brasil o Daruma de papel machê? Quero comprar

Leave a Reply