Nossa história

Iochihiko Kaneoya e Yoshitomi Yagura são as pessoas que inspiraram a criação do Nipocultura.

Iochihiko Kaneoya é pesquisador da cultura japonesa. Suas pesquisas inspiraram um grupo de amigos que acharam importante divulgá-las. Fundou-se então, no dia 19 de fevereiro de 2008, o site Nipocultura.

Yoshitomi Yagura, nascido em 1925 em Nagasaki – Japão imigrou para o Brasil quando tinha 6 anos. Trabalhou na lavoura e posteriormente no comércio em Mirandópolis e em São Paulo. Chegando em São Paulo inicia o voluntariado na Associação Cultural e Esportiva Tucuruvi. Percebendo a importância de preservar o idioma, cria o NODOJIMAN – concurso de música. E envolve-se com várias outras atividades de divulgação da cultura japonesa. Essa energia movimentou  pessoas durante a sua existência e inspirou também a criação do Nipocultura. 

O site surge com a proposta de divulgar a cultura japonesa com a preocupação de guarnecer os artigos com fidedignidade e verificabilidade que a cultura japonesa merece. Abre espaço também para a publicação de trabalhos acadêmicos que tenham como tema aspectos da cultura japonesa e os japoneses.

Para cumprir com o lema “a cultura japonesa ao seu alcance”, o Nipocultura também é um intermediador para encontrar pessoas que dominam alguma arte japonesa ou qualquer ligação com a cultura japonesa. Também provê consultoria e suporte em eventos, atendendo associações, escolas, instituições municipais, estaduais e empresas.

O 1o evento realizado pelo Nipocultura foi “Domingo com a Cultura Japonesa” onde Albertina Saudade Fonseca promoveu o 1o Encontro Amigos do Origami.

O que teve início somente como um site, a partir das publicações, vieram as solicitações de palestras, UFSC, convites para exibição de filmes e debate, solicitação de exposição,  solicitação de oficina de origami em eventos.

Em 2011 com a parceria com AnimeGakuen dá-se início à realização de eventos próprios.

Hoje é replicador de sites com artigos por meio da página no Facebook, também divulga eventos e publicações correlatas que acontecem em todo o Brasil e no Japão. 

Formamos assim a união de pessoas que tem em comum a vontade de pesquisar determinada área da cultura japonesa, ou a sua divulgação.

Texto de Hisae Yagura Kaneoya