Provérbios e expressões | Yakuza (八九三)

Provérbios e expressões | Yakuza (八九三)

150 150 Iochihiko Kaneoya

A famosa e temida máfia japonesa com profundas raízes no mundo do crime e da contravenção deve a origem do seu nome apenas a três números: 8, 9 e 3 que se pronunciam ya(yatsu), ku e za. Yakuza, antes de ser conhecido como grupo de mafiosos, era apenas o nome de um jogo de cartas onde os números 8, 9 e 3 indicavam quem perdia o jogo. Antes disso era a denominação do local do jogo, depois passou a significar apenas o jogador. Por oferecer rápida ascensão na sociedade japonesa a seus membros sem berço privilegiado, isto é, um estranho, um comum do povo, o nome se popularizou com algum orgulho entre seus membros.

A pronúncia para os números é uma mistura das pronúncias on-yomi (japonesa) e kun-yomi (chinesa). Ya (chinesa), ku(japonesa) e za (chinesa). É termo que não está dicionarizado com esses números, apenas com sílabas do hiragana significando algo sem valor, inútil e jogador.







O japonês tem formas curiosas de misturar as pronúncias, formando sentenças, trocadilhos ou apenas palavras como processo de memorização dos números. Pronúncia japonesa utilizada para esses casos para números até dez: hi (hitotsu), fu (futatsu), mi (mitsu), yo (yotsu), itsu (itsutsu), mu (mutsu), nana (nanatsu), ya (yatsu), koko (kokonotsu), too. Pronúncia chinesa, mais conhecida : ichi, ni, san, shi, go, roku, shichi, hachi, ku, ju. O ano de nascimento do dramaturgo e poeta inglês Shakespeare, 1564, pode ser pronunciado hito go ro shi (homicida, assassino) e seu falecimento que se deu em 1616, i-ro-i-ro (variados, diversos). A raiz quadrada do número três, 1,732508 pode ser pronunciada hito na mi ni ogore ya (trate-me como outros me tratam). O famoso símbolo do Japão, Monte Fuji, que tem 3776 m de altura, pode ser lido mi na na (ya) mu. Com um pequeno acréscimo significa todos sofrem, lamentam.

 

Referências

OTSUKI, Hiroshi & GRINDSTAFF, Bradley. Cultural keys: the history of japanese words and phrases. The Hokuseido Press: Tokyo, 1995.

MATSUE, Shigeo & YOSHIDA, Tosaku. Gendai kokugo jiten. Nippon bungeisha: Tokyo, 1981.

Iochihiko Kaneoya

Formado em Direito e mestrando em cultura japonesa pela Universidade de São Paulo - USP. Pesquisador da cultura japonesa.

All stories by : Iochihiko Kaneoya
1 comentário
  • Muito interessante essa origem numérica da yakuza. Nem imaginava.

Leave a Reply