Gokon | 合コン

150 150 Paula Kaneoya

 

Gokon (合コン) é a forma comprimida da expressão “godo konpa” (合同コンパ), que significa “festa combinada”. Trata-se de um grupo de mulheres e de homens solteiros que se encontram para fazer novas amizades e, possivelmente, formar relacionamentos de longo período. Esse tipo de encontro tem se tornado popular por ajudar a diminuir a tensão entre as pessoas. Os participantes ficam mais confortáveis na companhia de seus amigos e é forma segura e casual de se conhecer estranhos. Alguns doramas (novela curta japonesa) como Haken no Hinkaku e Oyaji fazem referências ao gokon. No primeiro, um dos personagens participa de um;  no segundo, uma das filhas – Suzu – conhece o seu noivo – Hiroshi.







O gokon é um encontro às cegas em grupo. Geralmente, um homem e uma mulher solteiros que se conhecem, organizam o gokon e cada um leva de três a quatro amigos solteiros. Os encontros são realizados em locais onde as pessoas possam comer, beber e conversar. Geralmente restaurantes e bares são os locais preferidos. Alguns encontros são realizados em ambientes onde  se é possível jogar, o que contribui para redução da tensão e encorajar o convívio e o contato entre as pessoas.

Os grupos de homens e mulheres se sentam em lados opostos e conversam uns com os outros; esta disposição permite também a troca do opiniões com a pessoa do lado sobre as do sexo oposto do outro: a mais atraente, a mais simpática etc. No entanto, existem outras formas de se sentar em um gokon – como um sanduíche: alternando homens e mulheres. Em vez de cochichar, muitos escrevem mensagens no celular e mostram aos companheiros.

Para participar de um gokon, existem algumas dicas:

1: Se conheça. Existem manuais sobre gokon que recomendam que se faça uma análise SWOT, identificando seus pontos fortes e fracos, as oportunidades e as ameaças.

2: Leve consigo: celular, cartões de visita e dinheiro. Em alguns casos, uma troca formal de cartões de visita é melhor que pedir o número de telefone da pessoa de forma particular.

3: Vista-se de forma simples e não exagere nos acessórios; isso pode se tornar um aspecto intimidatório das pessoas. O homem pode ficar imaginando que o seu salário é maior que o dele, ou que você já teve um namorado rico que lhe deu presentes caros.

4: Tenha assunto para a noite.  Leia notícias, ouça músicas que estão tocando, filmes que estão no cinema, esportes (no caso, principalmente o beisebol, que é corresponde ao futebol no Brasil). Existem pessoas que verificam aniversários, horóscopos, bem como tipos sanguíneos.

5: Marque de se encontrar no local onde vai acontecer o gokon. Não marque na estação, pois as estações japonesas normalmente têm mais de uma saída. Além disso, esperar no frio ou no calor não será nada agradável.

6: Não se atrase. A intenção é reunir o mesmo número de mulheres e de homens.

7: Evite cancelamento de última hora. É difícil remarcar uma data ou um local, pois são muitas pessoas a serem avisadas. Caso tenha uma emergência, o ideal é que se desmarque o encontro com cerca de três horas de antecedência.

8: Normalmente os homens se encontram no local do gokon com alguns minutos de antecedência. As mulheres também o fazem em algum lugar próximo do local combinado, para evitar situações embaraçosas como chegar antes das amigas e ficar sozinha com vários homens estranhos.

 

Referências

GOKON. In: Gaijin tonic. [S.l.]: Gaijin tonic, 2008. Disponível em: <http://gaijintonic.com/tag/gokon/ >. Acesso em: 03 fev. 2012.

GOKON rules. In: Welcome to Tokyo meet market. [S.l.]: Welcome to Tokyo meet market, 200?.Disponível em: <http://tokyocherie.wordpress.com/category/go-go-gokon/gokon-rules/>. Acesso em: 04 fev. 2012.

GROUP dating. In: Wikipedia. [S.l.]: Wikipedia, [s.d.]. Disponível em: <http://en.wikipedia.org/wiki/Group_dating>. Acesso em: 04 fev. 2012.

IPHONE becomes ice-breakers at gokon dating parties. In: Japan pulse. [S.l.]: The Japan Times, 2010. Disponível em: <http://blog.japantimes.co.jp/japan-pulse/tag/gokon/>. Acesso em: 03 fev. 2012.

Paula Kaneoya

Bibliotecária apaixonada por disseminar informação e compartilhar conhecimentos.

All stories by : Paula Kaneoya
2 Comentários
  • Não conhecia isso não, muito interessante.

  • Me lembrei do encontro Gokon que aconteceu em Gintama kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    hilário! Hilário mesmo! lolololololololololol

Leave a Reply